Nem Prof. Alpha nem vidente Alexandrino



 

Quem adivinhou o futuro do Cristiano Ronaldo foi mesmo o Banco Espírito Santo, que, à semelhança do que aconteceu em 2003, quando se associou ao jogador, voltou a antecipar-se e garantiu, no início deste ano, a exclusividade da utilização da sua imagem em Espanha, no universo das marcas financeiras. Quem sabe, sabe e a primeira campanha ibérica lá estreou em Espanha, dias antes da notícia da ida do craque para o Real Madrid.

 

 Sandra Silva

 

 

publicado por Lugares Mesmo Comuns às 10:17