Lido no elevador

 

 

"Escrevam o que quiserem a meu respeito. Se eu ganhar, não me atingem. Se eu perder, não me ajudam". Vanity Fair (Maio de 2009), citando velho treinador não identificado.

publicado por Lugares Mesmo Comuns às 07:13