Numa altura em que se fala em federação ibérica

Portugal e Espanha são como gémeos siameses que nasceram unidos pelas costas e que jamais viram as suas caras”.

A frase é de José Saramago e dá o mote para uma interessante reportagem, da Radio Televisión Española,  sobre Lisboa vista por alguns espanhóis que aqui vivem.


Nuno Maia

publicado por Lugares Mesmo Comuns às 12:38